Cooperação e Intercâmbios


O programa de Pós-Graduação em Educação Escolar vem trabalhando do sentido de estabelecer cooperações e intercâmbios com outros com instituições brasileiras e estrangeiras. Neste sentido, para o desenvolvimento de pesquisas e intervenções o PPGEE, desde sua institucionalização, vem estabelecendo parcerias e vínculos com Grupos e Laboratório de Pesquisas de outras instituições de ensino e pesquisa, a saber:

 

I - Relações com Instituições Brasileiras:

Grupo de Estudos e Pesquisas Filosofia para Crianças - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (UNESP);

Grupo de Pesquisa Formação de professores de Química e Ensino de Ciências/Química - Universidade Federal de Alagoas (UFAL);

Grupo de Pesquisa Educação, Comunicação e Tecnologias - Universidade Federal da Bahia (UFBA);

Grupo de Pesquisa Educação e Interculturalidade – (GPEI), vinculado ao Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Católica Dom Bosco (UCDB) sob a liderança da Professora Dra. Adir Casaro Nascimento. Esse grupo de pesquisa atualmente é vinculado a linha de pesquisa “Diversidade cultural e educação indígena” do Programa de Pós-Graduação em Educação - Mestrado e doutorado daquela universidade. Possui como principal eixo de investigação a relação entre sociedades e culturas, epistemologicamente trabalha as questões ligadas à educação e a diferença cultural. Dentre as principais propostas do grupo está a formação de mestres e doutores que possam pensar e investigar a respeito da temática da interculturalidade e suas interfaces.

Há estabelecimento de parcerias junto aos trabalhos do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal do Mato Grosso (UFMT) por meio de participação em eventos e bancas de qualificação e defesa de mestrados. Nesta mesma perspectiva citamos os intercâmbios com o Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal do Mato Grosso (UFMT), Campus de Rondonópolis.

 

II - Cooperação com Instituições Estrangeiras:


a) Protocolo de Intenções - Brasil e Vários Países:


Há parcerias sendo estabelecidas para o desenvolvimento de projetos de pesquisa e de produções com Portugal e, recentemente, a UNIR assinou Protocolo de Intenções com instituições brasileiras e instituições estrangeiras. O Protocolo foi assinado por ocasião de atividade Roda de Conversas: Educação, Diversidades e Políticas Educacionais, realizada dentro do 25° Seminário de Educação – SemiEdu 2017, no campus da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), em Cuiabá/MT:

- Instituições brasileiras parceiras: UFMT, IFMT, UNIR, UNEMAT, UFTM e UFAM;

- Instituições estrangeiras parceiras: Universidade de Quilmes (Argentina); Universidade de Cartagena (Colômbia); Universidade Plurinacional de La Patria Grande (Buenos Aires); Universidade Autônoma do México (México).

b) Acordo Específico de Cooperação para Criação da Rede de Pesquisa, Ensino e Extensão Em Educação Nas Regiões Centro-Oeste e Norte do Brasil e na América Latina – RECONAL-Edu

REDE DE PESQUISA, ENSINO E EXTENSÃO EM EDUCAÇÃO DAS REGIÕES CENTRO-OESTE E NORTE DO BRASIL e AMERICA LATINA-RECONAL-Edu, com objetivo de ampliar o campo de estudos entre as regiões centro-oeste e norte articuladas às ações da América Latina. Instituições:
Fundação Universidade Federal de Mato Grosso
Fundação Universidade de Brasília
Universidade Federal de Goiás
Universidade Federal do Triângulo Mineiro
Fundação Universidade Federal de Rondônia
Universidade do Estado de Mato Grosso
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia
Universidad Plurinacional de La Patria Grande
Universidade de Cartagena
Universidade de Havana

 

III - Cooperação Técnico Científica com apoio financeiro;

O Programa tem conseguido financiamento de Projetos de Pesquisas em Editais de fomento da Capes e CNPQ. Além disso, a Fundação de Amparo ao Desenvolvimento das Ações Científicas e Tecnológicas e a Pesquisa do Estado de Rondônia (FAPERO) vem apoiando projetos de pesquisas em todas as áreas, o que inclui a educação. Temos projetos pesquisas financiados, com apoio para custeio e capital. Há projetos do Programa financiados com custeio, capital e bolsas de iniciação à pesquisa.

Recentemente a FAPERO abriu vários editais que contemplarão o Programa com custeio: Programa de Apoio para Publicação Científica – (PAP-PUBLICA) - Chamada FAPERO nº 008/2017; Programa de Apoio à Pós-Graduação Stricto Sensu – (PAPG-SS) - Chamada FAPERO nº 002/2017; Programa de Apoio ao Pesquisador Rondoniense (PQR) - Chamada FAPERO nº 003/2017. Os docentes do Programa estão concorrendo a estes editais.

O Programa, desde sua primeira Turma (2014), vem estabelecendo termos de cooperação técnico científica com instituições, sendo para as turmas que iniciaram:
a) 2014-Termo de Cooperação Técnico-Científico IFRO/UNIR - recursos financeiros para passagens, diárias, custeio de deslocamento de alunos e alunos e de docentes para aulas, eventos científicos e participação da coordenação em reuniões das associações da área e aquisição de Bens de Capital (livros);
b) 2015-Termo de Cooperação Técnico-Científico IFRO/UNIR/IFAM - recursos financeiros para passagens, diárias, custeio de deslocamento de alunos e alunos e de docentes para aulas, eventos científicos e participação da coordenação em reuniões das associações da área;
c) 2017- Termo de Cooperação Técnico-Científico IFRO/UNIR - recursos financeiros para passagens, diárias, custeio de deslocamento de alunos e alunos e de docentes para aulas, eventos científicos e participação da coordenação em reuniões das associações da área.

O Programa continuará fazendo parcerias com as instituições de educação do Estado de Rondônia ou de outros estados da Região Norte.
Os pesquisadores do Programa vem cada vez mais participando dos editais de fomento nacionais e locais.

 


<<
Setembro 2019
>>
DoSeTeQuQuSe
1234567
891011121314
1516171819
20
21
22232425262728
2930     


    Sem imagens.